[logo]

Bioclimatologia animal on line
pesquisa e criação: Armando José Capeletto

E-mail: ciamb@terra.com.br

Caixa Postal 178 CEP 068970-001

Embu - SP - BRASIL

Caprinos

Raça Repartida do NordesteA partir dos primeiros caprinos introduzidos pelos portugueses, durante o Período Colonial, o próprio ambiente nordestino atuou como poderoso fator de seleção natural.

As condições ambientais do nordeste brasileiro - clima, solo e vegetação - favoreceram a surgimento de animais rústicos, embora de baixa produtividade, adaptados a sobreviver em condições recárias e em períodos de seca.

As raças originadas desses animais, como a repartida (ao lado), são boas fornecedoras de carne e pele; possuem grande potencial zootécnico e estão começando a ser estudadas, em projetos de melhoramento genético.

Atributos anatomofisiológicos

  • Pertencem à mesma família das ovelhas ou de ruminantes de chifres ocos, sendo certas espécies difíceis de diferenciar-se. A característica diferencial maior é a inserção da cauda, alta nos caprinos e baixa nos ovinos.

  • Quanto à pelagem,assemelham-se aos ovinos, com dois tipos de folículos.

  • Existem mais de 300 milhões de cabras no mundo, em todos os climas, mas principalmente em zonas secas tropicais e subtropicais.

  • Alta resistência ao calor. Muito prolíferas em zonas quentes, principalmente as raças leiteiras.

  • Raças de cobertura densa como a Angorá tornam-se sensíveis ao frio quando esquiladas.
  • Principais reações
    • ao frio: tremor muscular
    • ao calor: taquipnéia
Exemplos de raças brasileiras de caprinos: canindé (e) e moxotó (d).

Raça Canindé

Raça Moxotó


atualizado em: abril/2002

Copyright (c) 2001-2002 Armando José Capeletto

Todos os direitos reservados